• (41) 3671-8800
  • Seg. à Sex. 8h00 às 12h e 13h30 às 17h30

Obras feitas com sucata de aço inspiram diferentes observações no Parque do Lago

 

Publicado em: 29/01/2020 14:38 | Fonte/Agência: Departamento de Comunicação

Whatsapp

 

Obras feitas com sucata de aço inspiram diferentes observações no Parque do Lago

Artista, que reside em Quatro Barras, já participou de concursos internacionais

Criadas em 2011, as esculturas em formatos de caramujos dispostas no Parque do Lago tomam inspiração do “crescimento harmônico da natureza”. A citação é de Marcelo Santos “Bonga”, criador das obras. 

Morador da região da Serra da Baitaca, em Quatro Barras, o escultor emprega a técnica de soldagem de aço a partir de sucata sem aproveitamento. Os trabalhos em escultura foram iniciados em 2010, quando Bonga participou de concursos na estância balneária de Cascais, em Portugal. Desde então, o trabalho segue aplicado com os materiais pelo artista, que também é técnico mecânico.

As obras expostas no Parque do Lago suscitam diferentes interpretações de acordo com a perspectiva em que são encaradas. Embora a harmonia natural observada por Bonga seja a tônica de seus trabalhos, são os diferentes pontos de vista proporcionados pelas esculturas em espiral que intensificam sua proposta de reutilização material, em comum com a beleza oferecida pelo Parque do Lago a partir da preservação ambiental.

As esculturas podem ser conferidas no Parque do Lago, situado na Rua Nilo Fávaro (entrada principal pelo Centro de Quatro Barras), em anexo à praça Osvaldo Rehder Ferreira. A entrada é aberta ao público todos os dias, das 6h30 às 20h. 

O Parque do Lago foi inaugurado pela Prefeitura em novembro do ano passado e atrai centenas de visitantes pelo seu patrimônio natural e cultural.