SAIBA MAIS SOBRE A PREVENÇÃO E OS SINTOMAS DO CORONAVÍRUS

SAIBA MAIS SOBRE A PREVENÇÃO E OS SINTOMAS DO CORONAVÍRUS


Publicado em: 13/03/2020 17:35 | Fonte/Agência: Departamento de Comunicação

Whatsapp

 

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde abre um comunicado sobre a atual situação da pandemia relacionada ao Coronavírus (COVID-19) fornecendo orientações a respeito da prevenção, manifestação clínica da doença e os sintomas relacionados a pacientes que possam vir a apresentar a infecção pelo vírus.

SINTOMATOLOGIA: 
A infecção pelo vírus é manifestada através de sintomatologia respiratória, assim como gripe o paciente pode apresentar febre, tosse, e sinais respiratórios.

OCORRÊNCIA:
No Brasil já foram confirmados 98 casos. O Paraná segue com 72 suspeitos e 6 confirmados, sendo eles em Curitiba 5 (cinco) e Cianorte 1 (um), vale salientar que os pacientes positivados no estado do Paraná realizaram viagens internacionais o que lhes predispuseram a contrair a doença, portanto bons hábitos de higiene são extremamente importantes no controle e profilaxia da infecção.

RECOMENDAÇÕES DE HIGIENE PELA VIGILÂNCIA EM SAÚDE DE  QUATRO BARRAS:

•    Primeiramente sem pânico: A pandemia já era iminente, era apenas uma questão de tempo esse anúncio, mas nós podemos fazer essa história ser diferente aqui no Brasil;
•    Sem fake news: Se quer ser o primeiro a divulgar algo, consulte a fonte. O site do Ministério da Saúde (saúde.gov.br) possui informações confiáveis. Duvidou, não repasse!
•    Lavar as mãos: Depois de tossir, espirrar, ao cuidar de pessoas doentes, antes e após preparação de alimentos, antes de comer, depois de usar o banheiro, quando as mãos estiverem sujas, após contato com animais e suas excretas;
•    Comprimento: Evitar comprimento de mãos e beijo no rosto;
•    Cobrir a boca durante tosse e espirro: Não cobrir a boca com a mão e sim com o antebraço ou lenços descartáveis;
•    Alimentação: Comer alimentos previamente cozidos e higienizados de maneira correta;
•    Não cuspir em público;
•    Máscara: O uso de máscara é recomendado especialmente para pessoas infectadas, evitando a propagação do vírus, de forma que cubra a boca e o nariz. É importante evitar tocar na máscara e usar de maneira frequente. Seu uso deve ser descartável;
•    Celular: Higienizar o celular e aparelhos eletrônicos com freqüência;
•   Ambientações: Evitar locais com grandes aglomerados de pessoas, shows, eventos, feiras, festas, eventos religiosos, agências bancárias, unidades de saúde (sem necessidade).