Entenda sobre o Projeto de Operação de Crédito que tramita na Câmara

Entenda sobre o Projeto de Operação de Crédito que tramita na Câmara


Publicado em: 17/10/2018 16:02 | Fonte/Agência: Departamento de Comunicação

Whatsapp

 

A Prefeitura de Quatro Barras traz alguns esclarecimentos importantes referentes ao Projeto de Operação de Crédito enviado no dia 27 de setembro de 2018 à Câmara Municipal, a fim de DESMENTIR informações errôneas e tendenciosas divulgadas nas mídias sociais.

A gestão, de forma responsável, após já ter pago mais de R$ 6,5 milhões em operações de crédito contratadas na gestão anterior, agora recebeu liberação junto à Caixa Econômica Federal para contratar uma nova operação de crédito no valor de R$ 5 milhões, para fins de INVESTIMENTO.

Este projeto prevê obras de pavimentação, a exemplo da Rua Vicente Vidolin, na área rural, e em várias outras localidades; aquisição de equipamentos como uma carreta semi reboque basculante para transbordo do lixo e uma prancha para o transporte da escavadeira hidráulica utilizada nos serviços de manutenção viária; e ainda investimentos em projetos esportivos.

Estes investimentos não só irão melhorar a qualidade de vida de milhares de pessoas, como também irão garantir desenvolvimento com economia ao Município, pela redução de custos relacionados à conservação destas ruas ainda não pavimentadas e também pela economia na aquisição dos equipamentos com o fim da terceirização. Somados, estes serviços representam uma economia, em média, de R$ 60 mil por mês, o que totaliza R$ 720 mil reais a menos pagos por ano pela Prefeitura.

É importante também esclarecer que a dívida acumulada das gestões anteriores soma em média R$ 3,9 milhões ao ano, de um total herdado de aproximadamente R$ 24 milhões, investidos em urbanização e pavimentação com previsão de pagamento até 2028. Isto explica porque a nova operação de crédito demandará 24 meses de carência para início do pagamento.

Na prática, é bastante simples, se o Município já tem dívidas anteriores, não pode exceder os limites de empréstimo. Só no ano de 2020, depois de efetuar o pagamento de parte destas dívidas, a Prefeitura terá um novo saldo (margem) para o pagamento de uma nova operação de crédito. Portanto, os dois anos (24 meses) de carência para início do pagamento não são uma escolha, mas uma regra que deve ser obrigatoriamente seguida pelo Município, a exemplo de todas as operações realizadas pelas gestões anteriores.

Reiteramos que esta operação de crédito, no valor de R$ 5 milhões, é para fins de INVESTIMENTO, de melhoria da qualidade de vida da população. A gestão não vem medindo esforços para isso. Esses recursos irão trazer economia a curto, médio e longo prazo; trazer avanços em várias áreas e, principalmente, beneficiar desde já milhares de pessoas que moram e visitam nosso município.


Entenda o gráfico:

ANO  VALOR DA DÍVIDA ACUMULADA   SALDO ACUMULADO 
2017  R$   3.672.297,08  R$       327.702,92  R$   4.000.000,00
2018  R$   3.595.117,99  R$       404.882,01  R$   4.000.000,00
2019  R$   3.893.882,87  R$       106.117,13  R$   4.000.000,00
2020  R$   3.500.427,50  R$       499.572,50  R$   4.000.000,00
2021  R$   2.982.298,02  R$   1.017.701,98  R$   4.000.000,00
2022  R$   2.192.096,62  R$   1.807.903,38  R$   4.000.000,00

 


Leia também

Secretaria Municipal de Governo

Defesa Civil cria iniciativas de prevenção à soltura de balões

01/07/2020 18:25

Secretaria Municipal de Assistência Social e Cultura

Assistência Social recebe doação de 2 mil máscaras do projeto Mãos que Ajudam

10/06/2020 08:55

Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agricultura

Prefeitura e moradores realizam limpeza de rio quatro-barrense

02/06/2020 09:47

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Industrial Comercial e Turismo

Série Gente que Empreende

01/06/2020 20:06