• (41) 3671-8800
  • Seg. à Sex. 8h00 às 12h e 13h30 às 17h30

Prefeitura apresenta proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2023

 

Publicado em: 15/09/2022 14:26 | Fonte/Agência: Secretaria de Comunicação

Whatsapp

 

De 12 a 28 de agosto, população pôde opinar sobre as principais demandas de investimentos nos diversos setores
    
Após abrir a Consulta Pública para coletar demandas da sociedade quanto às ações prioritárias de governo para o ano que vem, a Prefeitura de Quatro Barras, através da Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Planejamento, realizou nesta terça-feira (13) a Audiência Pública para apresentação da proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2023.
    
A proposta foi apresentada pela coordenadora do Sistema de Controle Interno, Flávia de Alcântara Bernardi. A participação do público se deu tanto presencialmente, no plenário da Câmara Municipal, como de forma online, por meio de transmissão ao vivo pelo Facebook da Prefeitura.

Consulta Pública
Um dos primeiros pontos abordados na audiência foram os resultados obtidos na Consulta Pública da LDO 2023, que esteve aberta no site da Prefeitura para sugestões e opiniões da comunidade, no período de 12 a 28 de agosto. 
    
Ao todo, 97 pessoas responderam o questionário, apontando prioridades para áreas essenciais como Saúde, Segurança Pública, Educação, Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico, Desenvolvimento Social, Meio Ambiente, Esporte e Lazer, e Cultura e Turismo, entre outras, além de pontuar sugestões abertas e avaliar serviços atualmente prestados pelo município.
    
A secretária da pasta, Viviane Sautner Bernardi, disse a elaboração da LDO é um momento decisivo de planejamento para o ano vindouro, porque traça as metas e prioridades que serão executadas pela Prefeitura em 2023. “Todo este processo de elaboração da LDO, com a abertura de consulta pública, não apenas atende às legislações vigentes como permite uma gestão democrática e participativa – que é uma das grandes metas do prefeito Loreno Tolardo. Ouvir as demandas é o primeiro passo para direcionar investimentos e programas”, afirmou a secretária.

Próximos passos
A proposta da LDO será encaminhada nesta quinta-feira (15) para apreciação do Poder Legislativo. Após votação dos vereadores e aprovação do conteúdo, o projeto será encaminhado para sanção do Poder Executivo, para posterior publicação da Lei de Diretrizes Orçamentárias. O último passo é a elaboração efetiva da lei, que terá validade por um ano.